Nessa crise que o Brasil enfrenta, os programas sociais do Governo Federal voltam a ter um impacto considerável na vida das pessoas, principalmente nas famílias mais carentes. E um desses benefícios, essencial para complementar a renda do trabalhador é o Abono Salarial PIS. Para que vocês possam se planejar e saibam quando contarão com esse dinheiro em mãos, vamos explicar como será feito o Pagamento PIS 2019.

Pagamento do PIS 2019

Pagamento do PIS 2019


O que é o PIS 2019

O Programa de integração Social (PIS) é uns dos mais importantes benefícios sociais do Governo, atrás apenas do Bolsa Família. Ele garante a alguns trabalhadores, os quais, devem cumprir determinadas situações, um salário mínimo extra ao final do ano, conhecido como décimo quarto salário ou abono salarial.

Esse benefício costuma ser pago no começo de cada ano, mas, devido à crise que o Brasil atravessa, o calendário foi esticado e algumas pessoas só receberão o PIS 2018, no começo de 2019, ainda assim, é melhor do que ficar sem o benefício.


O que é Pasep?

O Pasep é um benefício similar ao PIS, mas direcionado para os funcionários públicos. A principal diferença entre o PIS e o PASEP é que enquanto que um é pago pela Caixa Econômica Federal, o outro é pago pelo Banco do Brasil, respectivamente.


Pagamento PIS 2019

Quem tiver direito ao abano salarial, vai receber o seu pagamento conforme o mês de nascimento. Quem tiver nascido nos meses entre julho e dezembro, recebe o pagamento no mês de nascimento. Já quem tiver nascido entre janeiro e junho, receberá pagamento entre os meses de janeiro e março de 2018. Da mesma forma, os pagamentos do benefício de 2018 também receberão no início de 2019.

Pagamento do PIS 2019

Pagamento do PIS 2019

Documentos necessários para sacar

Para realizar o saque de seu abono salarial, será necessário ter em mãos os seguintes dados/documentos:

  • Número do PIS – Presente no Cartão Cidadão, Carteira de Trabalho e Cartão do Bolsa Família;
  • Documento de identidade com foto – Pode ser sua carteira de identidade, carteira de habilitação, carteira de trabalho ou identidade militar.

Onde sacar

O saque poderá ser realizado nos seguintes postos de atendimento:

  • Casas Lotéricas
  • Terminais de autoatendimento da Caixa (caixa eletrônico)
  • Atendimento das agências da Caixa
  • Pontos de acesso Caixa Aqui

Como Sacar

Basta se dirigir ao atendimento e solicitar o saque do seu benefício. O saque deverá ser realizado pelo próprio trabalhador, e não por terceiros.


Calendário PIS 2019

O abono salarial conta com um calendário de pagamentos para evitar que todos os beneficiários procurem o benefício no mesmo período, o que causaria sérios transtornos em agências da Caixa Econômica Federal. O benefício será pago através de duas tabelas: a primeira que conta com os pagamentos do PIS de janeiro a março, referente ao calendário de 2018, e a segunda, referente aos pagamentos do benefícios de 2019, paga de Julho a dezembro:

Tabela PIS 2019

A tabela a seguir contém os pagamentos do benefício entre os meses de Janeiro a março, pagos aos trabalhadores com data de nascimento entre janeiro e junho.

TABELA PIS 2018/2019 CAIXA ECONÔMICA FEDERAL (ATUALIZADA)
Calendário de pagamento do PIS 2018-2019 para agências da Caixa:
​​Nascido em ​Recebem a partir de Podem sacar até:
​Julho ​26/07/2018 28/06/2019
​Agosto ​16/08/2018 28/06/2019
​Setembro ​13/09/2018 28/06/2019
​Outubro ​18/10/2018 28/06/2019
​Novembro ​20/11/2018 28/06/2019
​Dezembro ​13/12/2018 28/06/2019
​Janeiro ​​17/0​1/2019 28/06/2019
​Fevereiro ​​17/0​1/2019 28/06/2019
​Março ​​21/02/2019 28/06/2019
​Abril ​​21/02/2019 28/06/2019
​Maio ​​14/03/2019​​ 28/06/2019
Junho ​​14/03/2019​​ 28/06/2019

Quem possui conta na Caixa, recebe o PIS diretamente na conta, conforme a tabela abaixo:

TABELA PIS 2018/2019 CAIXA ECONÔMICA FEDERAL (ATUALIZADA)
Calendário de pagamento do PIS 2018-2019 para agências da Caixa:
Nascido em: ​Crédito em conta
​Julho ​​24/07/2018​
​Agosto ​​14/08/2018​
​Setembro ​​11/09/2018​
​Outubro ​​16/10/2018​
​Novembro ​13/11/2018
​Dezembro ​​11/12/2018
​Janeiro 15/01/2019
​Fevereiro 15/01/2019
​Março ​​19/02/2019
​Abril ​​19/02/2019
​Maio 12/03/2019
Junho 12/03/2019

Tabela PIS 2019-2020

A seguinte tabela contém os pagamentos referentes aos trabalhadores nascidos entre Julho e Dezembro, pagos sempre no mesmo mês do nascimento.


Quem tem direito ao PIS 2019

Lembrando que só tem direito a receber o benefício, aqueles trabalhadores que se enquadram nos seguintes requisitos:

  • Tenham 5 anos de inscrição no PIS ou mais;
  • Recebam vencimentos mensais de até 2 salários mínimos;
  • Tenham trabalhado, em 2018, por pelo menos 30 dias com carteira assinada.
Quem tem direito ao PIS

Quem tem direito ao PIS

Além de todas essas condições, a empresa na qual o trabalhador atue, precisa ter enviado a RAIS ao MTE. RAIS que é uma espécie de cadastro, no qual, a empresa indica quais os trabalhadores estão empregados.


Valor do PIS 2019

O valor do Abono salarial é indexado de acordo com o valor do salário mínimo. O valor do abono salarial, entretanto, é proporcional ao tempo de serviço do trabalhador durante o ano base (2018). Dessa forma, cada 30 dias de carteira assinada no ano base, dão direito ao trabalhador a receber 1/12 do valor do salário mínimo.

Valor do PIS PASEP 2019

Valor do PIS PASEP 2019

Funciona assim:

  1. Quem trabalhou no ano base por 30 dias com a carteira assinada, terá direito a 1/12 do valor do salário mínimo;
  2. Quem trabalhou no ano base por 60 dias com a carteira assinada, terá direito a 2/12 do valor do salário mínimo;
  3. Quem trabalhou no ano base por 90 dias com a carteira assinada, terá direito a 3/12 do valor do salário mínimo;
  4. Quem trabalhou no ano base por 120 dias com a carteira assinada, terá direito a 4/12 do valor do salário mínimo;
  5. Quem trabalhou no ano base por 150 dias com a carteira assinada, terá direito a 5/12 do valor do salário mínimo;
  6. Quem trabalhou no ano base por 180 dias com a carteira assinada, terá direito a 6/12 do valor do salário mínimo;
  7. Quem trabalhou no ano base por 210 dias com a carteira assinada, terá direito a 7/12 do valor do salário mínimo;
  8. Quem trabalhou no ano base por 240 dias com a carteira assinada, terá direito a 8/12 do valor do salário mínimo;
  9. Quem trabalhou no ano base por 270 dias com a carteira assinada, terá direito a 9/12 do valor do salário mínimo;
  10. Quem trabalhou no ano base por 300 dias com a carteira assinada, terá direito a 10/12 do valor do salário mínimo;
  11. Quem trabalhou no ano base por 330 dias com a carteira assinada, terá direito a 11/12 do valor do salário mínimo;
  12. Quem trabalhou no ano base por 360 dias com a carteira assinada, terá direito ao valor integral do salário mínimo;

Para facilitar a compreensão, a caixa Econômica Federal lançou esse calendário com os valores de pagamento do abono salarial de acordo com o tempo de serviço:

Meses trabalhados (dias) Valor Abono
1 (30 a 44) R$ 80,00
2 (45 a 74) R$ 159,00
3 (75 a 104) R$ 239,00
4 (105 a 134) R$ 318,00
5 (135 a 164) R$ 398,00
6 (165 a 194) R$ 477,00
7 (195 a 224) R$ 557,00
8 (225 a 254) R$ 636,00
9 (255 a 284) R$ 716,00
10 (285 a 314) R$ 795,00
11 (315 a 344) R$ 875,00
12 (345 a 365) R$ 954,00

Lembre-se: O valor do abono salarial leva em consideração o valor do salário mínimo da data em que o benefício foi liberado para saque. Se seu benefício for liberado ainda em 2019, será calculado de acordo com o mínimo de 2019, já se for liberado em 2020, já vai ser calculado de acordo com o novo mínimo.

Isso pelo menos animou um pouco os trabalhadores, os quais, veem diariamente seus direitos sendo cortados, sem nenhuma reação mais drástica do Governo, impedindo esses cortes.

Gostou do Artigo? Avalie abaixo: ⤵

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...